Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

#VFNOLISBOA2015

11.09.15

Quer se goste ou não de moda/compras, na VFNO os lisboetas saem à rua e esta é já uma das noites mais animadas da cidade. Este ano, no entanto, "metade dos lisboetas" decidiram ficar em casa: havia muito menos gente do que no ano passado e vejam lá bem, quase se podia circular livremente no Chiado...

Não sei se foi apenas impressão minha, ou se afinal de contas as pessoas estavam todas nas filas para os brindes (que este ano estavam maiores do que nunca).

 image.jpg

No entanto, a diferença mais notória face a edições anteriores está nas lojas: de ano para ano, as lojas de topo vão deixando de aderir a este evento. Nas primeiras edições era rara a loja que estava fechada na Avenida, depois foram desistindo a Prada, a Louis Vuitton... E ontem nem a Carolina Herrera estava aberta.

Eu compreendo que não exista o incentivo comercial para essas lojas estarem abertas, pois são muito mais as pessoas que vêm para ver e mexer do que as que vêm para comprar... Mesmo compreendendo, sinto que a VFNO perde algum do seu encanto quando passamos na Miu Miu e nem podemos apreciar e avaliar uma futura compra.

 

Mesmo assim, estavam muitas lojas abertas e com descontos. Havia muitas lojas com sessão de maquilhagem e com hairstylers. A loucura habitual à porta do Eduardo Beauté. Muitas pessoas bem vestidas, pessoas assim-assim, pessoas estranhas. Lojas com animação nas montras. Bem... O habitual!

image.jpg

image.jpg

image.jpg 

O que é cada vez menos habitual são os comes e bebes nas lojas (perfeitamente compreensível porque havia pessoal que ia especificamente para se enfrascar). Eu não preciso de muito, mas uma flute de espumante toda a gente merece. Valha-nos a Zadig & Voltaire que não estava nada forreta (ok, havia outras lojas que tinha bebidas, mas são cada vez menos).

Por isso, a minha mensagem para o pessoal que apenas está interessado nos comes e bebes é: para o ano escusam de vir porque pelo andar da carruagem isso está em vias de extinção (podem trazer de casa a arca com bebidas que fica mega fashion).

image.jpg
 image.jpg

image.jpg

Apesar de algum pontos menos positivos, continuo a achar que é uma noite muito divertida, especialmente para se aproveitar com as amigas... Tirar fotos, experimentar roupa, acompanhar as tendências e por a conversa em dia. Por falar em tirar fotos, tirei uma que a NiT colocou no seu artigo. Fiquei contente pelo elogio, obrigada! Não me produzi especialmente e agora só penso: porque é que não estava de saltos?! (ia ficar melhor, mas para uma VFNO ninguém merece)!

 

VFNO. Os melhores looks da noite Safari, Hoje at 0

 

E vocês também deram um saltinho à VFNO? Gostaram? Muitas compras?

By Kat

Autoria e outros dados (tags, etc)

Isto de ter um blog ibérico tem as suas vantagens! 

 

Hoje eu e a Kat, vamos fazer uma reportagem ibérica dos melhores acontecimentos do VFNO. Ela na fantástica cidade de Lisboa e eu na minha nova cidade, Madrid. 

 

VFNO.jpg

 

 

 

Sei que quem está por ai, claro que não vai ter a possibilidade de vir aqui, mas ao menos ficam a conhecer uma realidade diferente desta tão mítica noite da moda.

 

Por Lisboa, o melhor roteiro que li até agora foi sem duvida este (está óptimo) , por aqui ainda não vi nenhum, mas sei que a Calle Serrano e arredores, onde se concentram todas as lojas de luxo e não só, vai estar ao rubro, por isso, mal posso esperar.

 

Para aqueles que vão andar a “desfilar” nas ruas, que tenham uma excelente noite e que façam boas compras. Para aqueles que não vão ter oportunidade de estar em nenhum dos sítios, pois acompanhem no nosso Instagram Wine&Lisptick os melhores momentos deste evento com cobertura ibérica.

 

Kisses

KatBel

Autoria e outros dados (tags, etc)

É difícil resistir a fazer um post, quando vou a Lisboa de fim-de-semana.

 

Gosto tanto daquela cidade. Claro que o Porto nunca me sai do coração e já morro de saudade, mas espero ir visitá-lo em breve.

 

Mas Lisboa… cidade de luz, sol, mar… acolhe-me sempre tão bem.

IMG_8060.JPG

Chegar largar as malas (vestir um casaco) e sair à rua. Aquela rua por onde tantas caras conhecidas passam e te perguntam como está a correr a vida, sempre com um sorriso. Brinda com uma Super Bock ou uma Sagres com os amigos que reencontramos e mesmo com sono e frio tentar aguentar o mais possível.

IMG_7896.JPG

 

 

Acordar cedo, não vá o tempo correr mais do que eu! Comprar coisas que por lá são mais baratas ou que aqui não existem (aqui não há feijão-frade sabiam? EU GOSTO!).

 

Ir comer a um dos meus sítios favoritos, sempre com aquela paisagem, da qual nunca me canso e claro aproveito para tirar mais uma foto ( ainda com o meu cabelo todo).

IMG_8058.JPG

 

IMG_8059.JPG

 (Restaurante Este Oeste) 

IMG_8062.JPG

 

 

Um descanso merecido na esplanada da praia, bem de frente para o mar.

IMG_8063.JPG

 

 

Terminar o dia a empacotar (quase) as últimas coisas e sair para jantar, a um sítio novo, com amigos.

IMG_8018.JPG

(Restaurante Duplex - Cais do Sodré)

 

Voltar a dormir pouco, não vá a vida passar mais rápido! E aproveitar para estar com a família.

 

E, finalmente, regressar ao sítio que agora chamo casa!

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

11704866_943940895628101_4958518338581089586_n.jpg

 

Hoje é dia de mais uma voltinha de avião. Infelizmente ainda não é para ir de férias, mas o lado bom é que é para ir a mais um casamento que estava com algum receio de perder. Depois de algum equilibrismo e malabarismo aqui vou eu (mesmo que um pouco atrasada, mas acho que os noivos me perdoam).

 

Estas viagens já começam a ser um habitue, mas a verdade é que quando passo a semana a saber que no fim-de-semana estarei em Portugal, seja Lisboa ou Porto, tudo corre melhor.

 

É a ansiedade (NORMAL!!!) que chegue sexta-feira, mas o saber que vou ver todas “as minhas pessoas” outra vez, os meus gatinhos e claro, a praia.

As 48 horas do fim-de-semana são sempre demasiado corridas, mas eu tento aproveitá-las ao máximo e claro no fim há sempre mais uma despedida.

 

Um até já a Lisboa!

 

E vocês já têm planos para o fim-de-semana?

by Bel

Autoria e outros dados (tags, etc)

O planeta Terra visto do ar é claramente maravilhoso, mas para já, nós comuns mortais, sem pretensão de ser astronautas, só podemos contemplar essas vistas através de imagens, nos livros, na televisão e na internet.

 

Mas existem outras paisagens que vistas do ar, e sim estou a falar de um avião, que são maravilhosas. Este fim-de-semana que passou quando fiz Lisboa-Madrid já a horas bem tardias, vinha colada ao vidro, literalmente, a contemplar a cidade na descolagem. Por vezes com as pressas, os stresses ou o cansaço, esquecemo-nos de olhar pela janela e  há tantas outras cidades que ficam maravilhosas vistas do ar.

FullSizeRender_3.jpg

 

FullSizeRender_2.jpg

 

FullSizeRender_1.jpg

(fotos tiradas com o meu telefone, daí a qualidade reduzida, mas que permite destarcar bem a Av. da Liberdade, por exemplo) 

 

Mas hoje falo de Lisboa. A organização das ruas, as luzes, os imensos espaços verdes, que de noite ficam escuros, mas quem conhece sabe o que está a ver. A serra de Monsanto, o belíssimo parque Eduardo VII que nos leva até ä rotunda no Marquês e que por esta segue a Avenida da Liberdade até ao Rossio para terminar virados para o Tejo, por baixo do fantástico arco da Rua Augusta. Nem só desta “artéria central” vive a cidade, porque toda a marginal é maravilhosa, com todos os monumentos alusivos às “nossas descobertas” e tantos outros espaços que poderia descrever, mas acho que conseguem ver onde quero chegar.

 

Por vezes, num simples olhar mais concentrado sobre coisas tão simples, fazemos grandes descobertas.

Lisboa é realmente encantadora!

 

by Bel

Autoria e outros dados (tags, etc)

Aviso

WINE&LIPSTICK, Fashion, Beauty, Travel, Lifestyle, Wine, Lipstick A blog to consume without moderation Todas as imagens publicadas neste blog são pessoais ou foram encontradas via motor de busca. Em caso de violação de direitos de autor, serão retiradas mediante aviso via e-mail.



foto do autor