Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


No último (e para já único) post de viagens que fizemos, acabámos a dizer que tínhamos mais dicas para dar. Pois bem, agora vamos falar, individualmente, de cada uma das cidades que visitámos.

 

E como começamos por Singapura, aqui vai.

 

A escolha do hotel para Singapura não foi fácil. Existem imensos hotéis e com os mais variados preços. De todos os hotéis em que ficámos, este foi o menos bom, mas… não era mau. Como íamos ficar apenas duas noites e não íamos passar muito tempo no hotel demos prioridade a várias outras coisas: o mais perto possível do metro, o mais perto possível do centro, com pequeno-almoço, numa rua aceitável. E escolhemos o Hotel Clover 5 Hong Kong Street.

 

Singapura é uma cidade muito organizada, super limpa, os meios de transporte são muito bons, as pessoas falam inglês, a cidade é segura e come-se tãaaooo bem. Os prédios grandes e altos dão um ar muito moderno à cidade.

 

 

 

Por falar em comer bem (que diga-se de passagem é uma das nossas perdições) um restaurante que  recomendamos vivamente é o Jumbo Sea Food, que nos fez LITERALMENTE ir às lágrimas. Não só porque era maravilhoso, mas porque a comida era tão picante que todo o nosso corpo parecia que ia explodir. Mas por incrível que pareça não conseguíamos parar de comer aquele Chilli Crab.

 

 

 

O ideal desta cidade é que existe de tudo um pouco. Singapura étnica: bairros étnicos que representam as comunidades tradicionais – Little India, Bairro Árabe, Chinatown. Singapura moderna: Orchard Road, com imensos shoppings; Marina Bay, o deslumbrante hotel com uma piscina infinita no último andar. Singapura verde: Jardim Botânico, com coleções espetaculares e espécies raras; Gardens by the Bay, ficámos simplesmente deslumbrados com estes jardins suspensos, que só nos faziam lembrar o filme do Avatar. É uma visão deslumbrante. E Singapura by night, com bares de vistas incríveis e discotecas quase a tocar as nuvens.

 

Por falta de tempo não fomos a um sítio que queríamos muito, o lado mais divertido de Singapura, a Ilha de Sentosa, com o espetacular Universal Studios.

 

Sendo assim temos uma desculpa para lá voltar (como se fossem precisas desculpas para lá voltar ou para viajar). 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Aviso

WINE&LIPSTICK, Fashion, Beauty, Travel, Lifestyle, Wine, Lipstick A blog to consume without moderation Todas as imagens publicadas neste blog são pessoais ou foram encontradas via motor de busca. Em caso de violação de direitos de autor, serão retiradas mediante aviso via e-mail.




foto do autor