Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


american sniper.tiff

 

Por esta altura, andamos todos a tentar ver "numa corrida" os filmes nomeados para os Óscares. Confesso que já vi alguns, mas este ano as escolhas não me deixaram louca para as corridas às bilheteiras, excepto um ou outro que acho que valem a pena ser falados. 

 

American Sniper, um filme de Clint Eastwood baseado em factos reais, retirados da autobiografia de Chris Kyle. 

 

Chris Kyle considerado um dos mais letais snipers americanos na história militar dos EUA, mas para muitos ele era mais que um grande soldado, era um herói. Pai de dois filhos e casado com um mulher forte, mas também muito bonita, Chris vivia dividido entre dois mundos, o da guerra, em que defendia a pátria acima de tudo e o mundo familiar. 

 

Não querendo dar spoilers para quem ainda não foi ver o filme, posso dizer que o filme é cativante em todos os momentos e nos prende claramente à cadeira. É uma história de guerra, mas também da união entre os soldados, do sofrimento por que passam e das decisões e riscos com os quais se tem de viver. Não é um filme que faça chorar, mas é um filme que nos deixa a pensar na dura realidade das vidas perdidas numa guerra. 

 

Apesar das pequenas falhas do realizador já muito comentadas, o filme está nomeado para 6 categorias, incluindo "Melhor fotografia", "Melhor filme do ano" e "Melhor actor" para Bradley Cooper. O actor está 20 kg mais gordinho neste filme, mas não deixa de nos encantar com o seu papel de soldado duro, mas também de marido encantador, apesar de todos os tormentos. 

 

Um filme a não perder! 

 

-------------------------

 

By this time, we're all trying to see "in a race" the films nominated for the Oscars. I confess I've seen some, but this year the chosen ones  didn’t left me crazy, except one or two that I think are worth being spoken.

 

American Sniper, a Clint Eastwood film based on real facts, taken from Chris Kyle autobiography.

 

Chris Kyle considered one of the deadliest snipers Americans in US military history, but for many it was more than a great soldier, was a hero. Father of two children and married to a strong and beautiful woman, Chris lived torn between two worlds, the war, in which he defended the homeland above all and the family.

 

I do not want to give spoilers to anyone who has not yet see the movie, but I can say that the movie is captivating at all times and clearly makes us hold to the chair. It is a story of war, but also the union of the soldiers, the suffering experienced and decisions and risks with which they must live. It is not a movie that makes us cry, but it is a film that leaves us to think the hard reality of the lives lost in war.

 

Despite the minor flaws of the director, already much commented, the film is nominated for 6 categories including "Best Picture", "Best film of the year" and "Best Actor" for Bradley Cooper. The actor is 20 kg more chubby in this film, but does not fail to delight us with their role as tough soldier, but also charming husband, despite all the torments.

 

A movie not to be missed!

 

 facebook instagrambloglovin'

by Bel

Autoria e outros dados (tags, etc)

Aviso

WINE&LIPSTICK, Fashion, Beauty, Travel, Lifestyle, Wine, Lipstick A blog to consume without moderation Todas as imagens publicadas neste blog são pessoais ou foram encontradas via motor de busca. Em caso de violação de direitos de autor, serão retiradas mediante aviso via e-mail.




foto do autor